• Geral 09/10/18 | 23:04:25
  • Enxurrada: Mulher morre em Lacerdópolis
diminuir o tamanho do texto aumentar o tamanho do texto
  • Fonte/Autor: Rádio Barriga Verde
  • Foto: Rádio Barriga Verde

Lacerdópolis - Um caos. Assim pode ser descrita a situação de Lacerdópolis após uma chuva torrencial de aproximadamente duas horas de duração no início da noite desta terça-feira (09). A rua 31 de Março, em frente à prefeitura, virou um rio com o volume de água que desceu das imediações da igreja matriz e represou no riacho aos fundos da garagem da prefeitura.


Uma mulher, identificada como Verônica Radavelli, 62 anos, acabou morrendo devido ao desabamento da estrutura de um imóvel. Ela era moradora do Bairro São Jorge em Herval d' Oeste e estava passeando na cidade. Cadeirante, não conseguiu da casa alagada. O corpo foi removido pelo IGP ao IML de Joaçaba.


Uma força-tarefa envolvendo Polícias Civil e Militar, Corpo de Bombeiros, Prefeitura e Defesa Civil Estadual trabalha para ajudar as famílias afetadas. Conforme o prefeito Sérgio Calegari, o cenário é desolador e será decretada situação de emergência.


O levantamento dos estragos será feito na manhã desta quarta-feira. Várias casas e estabelecimentos comerciais foram alagados. A Escola Joaquim D'Agostini, conforme o prefeito, também teve danos expressivos.


Populares ajudam-se na minimização dos problemas. Equipes da Celesc atuam na tentativa de restabelecimento da energia elétrica.
O responsável pela delegacia de polícia de Lacerdópolis, Paulo Passold, orienta as pessoas a evitarem a passagem pela cidade devido ao transtorno e às equipes destacadas no auxílio. Ele disse que situação semelhante ele havia visto somente na enchente de Blumenau, quando ingressou na carreira.


Nas vias do centro da cidade, muito barro e entulho. Máquinas da prefeitura trabalham na limpeza. O trânsito precisou ser desviado por um tempo até a normalização do fluxo pela via principal nos acessos a Ouro e Joaçaba.

comentários