• Saúde 09/10/18 | 11:47:53
  • Hemosc de Joaçaba tem baixo estoque de sangue "O NEGATIVO"
  • Passou a trabalhar em nível de alerta
diminuir o tamanho do texto aumentar o tamanho do texto
  • Fonte/Autor: Central de Jornalismo RBV Rádios
  • Foto: Divulgação/Ilustrativa

O Hemosc de Joaçaba comunica que novamente está com o estoque de "O Negativo". Diante dessa necessidade, a unidade passou a trabalhar em nível de alerta.

A coletora do Hemosc de Joaçaba, Vanderleia Gomes, reforça a importância dos doadores para que essa situação possa ser revertida.

O Hemosc de Joaçaba atende uma população de quase 500 mil pessoas, em 44 municípios pertencentes a região de abrangência do hemocentro.

De acordo com o Hemosc, se cada pessoa saudável doasse sangue espontaneamente pelo menos duas vezes ao ano, os hemocentros teriam quantidade suficiente para atender a toda a população.

Para doar, a pessoa interessada deve ir até a unidade de Joaçaba ou entrar em contato pelo telefone 3527 2219 para agendar o atendimento. O horário de agendamento é das 12h30 às 18h30.

O que é necessário para doar

- Ter idade entre 18 e 69 anos. Doadores com 16 e 17 anos precisam ter autorização dos pais ou responsável legal
- Estar em boas condições de saúde. Não ter feridas ou machucados no corpo
- Pesar acima de 50 kg
- Ter repousado bem na noite antes da doação
- Fazer refeições leves e não gordurosas nas quatro horas antes da doação. Evitar uso de bebidas alcoólicas nas últimas 12 horas. Não pode estar em jejum
- Ir acompanhado para a doação
- Levar documento de identidade com foto. Pode ser RG, carteira profissional ou carteira de motorista.

Quem não pode doar

- Quem teve Hepatite após os 11 anos de idade. Quem tem lepra (hanseníase), hipertireoidismo e tireoidite de Hashimoto, doença autoimune, doença de Chagas, AIDS, problemas cardíacos (necessita avaliação e declaração de um cardiologista), diabetes e câncer.
- Fez ou faz uso de alguma droga ilícita nos últimos 12 meses
- Mantém relações sexuais de risco
- Gestantes ou mulheres que amamentam bebês com menos de 12 meses

comentários